terça-feira, maio 17, 2022
BNR-728X90-RENOVACAO---SOCIAL
BNR-728X90-RENOVACAO---ILUMINACAO
BNR-728X90-RENOVACAO---PAVIMENTACAO
HomeCampeonato Baiano - Serie AA dupla BAVI se reapresenta com rotinas diferentes após clássico

A dupla BAVI se reapresenta com rotinas diferentes após clássico

O que implica a derrota em um Ba-Vi? Como assimilar um resultado negativo no clássico? E o vencedor, onde encontrar a serenidade necessária para não deixar a empolgação em demasia tomar conta?

As respostas virão nos próximos dias, que, por sinal, apresentam rotinas bem diferentes para Bahia e Vitória. O Tricolor – derrotado no domingo, por 2 a 1, no primeiro Ba-Vi do ano, na Fonte Nova – só tem nesta quinzena compromissos nos fins de semana.

Já o Leão não terá tempo nenhum para comemorar o sucesso no clássico. Na quinta, inicia mata-mata com o Paraná por um lugar nas oitavas de final da Copa do Brasil e, na programação, só aparecem jogos decisivos pela frente até o início do Brasileirão, marcado para 14 de maio. Caso confirme o favoritismo e supere o Vitória da Conquista para chegar à final do Baiano, o Rubro-Negro fará um total de oito partidas de caráter crucial em 25 dias – as duas da Copa do Brasil, quatro do estadual e mais duas do Nordestão (as datas das finais do regional são mais distantes: 17 e 24/5).

O discurso dos jogadores e do técnico do Leão combina com o que está por vir. Ou seja, ganhar o clássico foi ótimo, mas o jogo valia pouco, outros mais importantes se aproximam. “Não ganhamos nada. Vamos ter mais Ba-Vis pela frente [dois nas semifinais do Nordestão e mais dois possíveis em eventual decisão estadual]. Vamos continuar na humildade, com pezinho no chão”, afirmou o atacante André Lima. “Acabamos a fase de classificação com 10 vitórias em 10 jogos. Não é fácil, mas só isso não adianta. Então, a gente tem que ter o pezinho no chão. Não fizemos mais que a obrigação. Agora é pensar no jogo decisivo contra o Paraná, pela Copa do Brasil”, completou o treinador Argel Fucks.

No Bahia, o pensamento também é voltado para frente. “Nos próximos jogos temos que triunfar de qualquer jeito. Nossa equipe tem que buscar crescimento especialmente quando enfrenta esse tipo de jogo mais decisivo”, disse o técnico tricolor, Guto Ferreira.

Folga x Trabalho

Com duas semanas livres para treinar no intervalo dos duelos com o Flu de Feira pelas semifinais do Baiano (dias 16 e 22/4), o Bahia se deu ao luxo de conceder folga ao elenco nesta segunda-feira, 10. Já o Vitória reapresentou-se para começar os trabalhos visando ao confronto com o Tricolor paranaense.

- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas