Da esquerda para a direita, da direita para a esquerda, o Barcelona passou muito a bola neste domingo. Contra uma fechadíssima defesa do Leganés, o clube catalão até abriu o placar cedo, mas sofreu para criar e conseguiu um gol salvador de pênalti aos 45min do 2º tempo para vencer o adversário por 2 a 1 no Camp Nou.

Lionel Messi foi um dos personagens chave, ao aparecer na segunda trave para completar um passe da esquerda logo aos três minutos e marcar e ao converter a penalidade no fim do jogo.

Marc Andre Ter-Stegen foi outro. Com pelo menos quatro intervenções importantíssimas, o alemão evitou gols do adversário com ótimas defesas. Só não evitou o tento de Unai López na segunda etapa, que quase colocou tudo a perder.

Neymar também se destacou ao tentar forçar o jogo, criar espaços e sofrer o pênalti no fim do jogo.

A atuação, longe de ser brilhante, ao menos ajuda um pouco o ambiente do clube, conturbado após a acachapante derrota por 4 a 0 para o PSG na última semana pela Uefa Champions League.

Com os três pontos conquistados, o time catalão soma 51 na tabela e segue na segunda posição, um atrás do líder Real Madrid – o time da capital tem dois jogos a menos.

Os times voltam a jogar pelo Espanhol no próximo fim de semana. O Leganés – 17º na tabela com 18 pontos –  joga no sábado contra o Deportivo La Coruña, enquanto o Barça encara o Atlético de Madri no domingo.