domingo, agosto 7, 2022
BNR-728X90-RENOVACAO---SOCIAL
BNR-728X90-RENOVACAO---ILUMINACAO
BNR-728X90-RENOVACAO---PAVIMENTACAO
HomeBahiaBahia aposta no bom retrospecto recente para larga em vantagem contra o...

Bahia aposta no bom retrospecto recente para larga em vantagem contra o Athletico

A rivalidade recente entre Bahia e Athletico Paranaense vai ganhar mais um capítulo. Nesta quarta-feira (22), o tricolor recebe o adversário paranaense, às 19h30, na Fonte Nova, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil. Em busca de um bom resultado para abrir vantagem na disputa, o Esquadrão se apega ao histórico recente para levar a melhor.

O Bahia venceu os últimos três embates que teve com o Athletico. Curiosamente, os três jogos foram disputados no ano passado. Todos pelo Campeonato Brasileiro. 

A série invicta do time baiano teve início em janeiro de 2021, em confronto na Fonte Nova válido pela Série A de 2020, que foi esticada por causa da pandemia da covid-19. O atacante Thiago, hoje no New York City, marcou o gol que deu o triunfo ao Bahia por 1×0. 

Os times voltaram a se enfrentar em junho do mesmo ano, dessa vez pelo primeiro turno do Brasileirão de 2021 e em Pituaçu. Patrick e Rossi balançaram as redes para o tricolor, que venceu por 2×1. O uruguaio David Terans descontou para o rubro-negro.

A última vez que Bahia e Athletico-PR estiveram frente a frente foi pelo segundo turno do Brasileirão do ano passado. O jogo, na Arena da Baixada, em Curitiba, marcou a estreia do técnico Guto Ferreira, que substituiu o argentino Diego Dabove. 

Mesmo com a crise que o tricolor vivia na Série A e a luta contra o rebaixamento, a chegada de Guto animou o time, que bateu o adversário por 2×0 fora de casa. Os gols foram marcados pelos atacantes Raí Nascimento e Gilberto.

Apesar do bom retrospecto recente do Bahia, a vantagem geral é do time paranaense. De acordo com o próprio clube baiano, em 40 jogos oficiais, o Athletico venceu 19, contra 11 do Esquadrão. Outros 10 duelos terminaram empatados.

Quando se trata de torneio mata-mata, aí o retrospecto é totalmente favorável ao Furacão. Será a quarta vez que as equipes vão duelar nesse formato, e em todas as outras três o rubro-negro levou a melhor.

A começar por ter eliminado o Bahia nas oitavas de final da própria Copa do Brasil em 1992 e 2011. E pela Copa Sul-Americana, o duelo aconteceu nas quartas de final da edição de 2018. O Athletico-PR venceu por 1×0 na Fonte Nova, enquanto o Bahia descontou o placar no segundo jogo, na Arena da Baixada. Nos pênaltis, o tricolor acabou derrotado por 4×1.

Rezende
Por se tratar de um jogo mata-mata em que o classificado vai ser definido em duas partidas, o volante Rezende alerta para a importância de ficar atento aos detalhes. Na análise do jogador, o Bahia precisa fazer um bom resultado na Fonte Nova para levar a vantagem para a Arena da Baixada, que receberá o jogo da volta no dia 12 de julho.

“A gente tem estudado bastante o time deles, se preparando bastante. Nossa semana foi muito forte. Estamos bem preparados para esse jogo. É uma competição de mata-mata, e a gente não pode errar. É procurar não errar”, analisou o camisa 5, na expectativa de recuperar a posição de titular perdida nos três últimos jogos.

- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas