domingo, agosto 7, 2022
BNR-728X90-RENOVACAO---SOCIAL
BNR-728X90-RENOVACAO---ILUMINACAO
BNR-728X90-RENOVACAO---PAVIMENTACAO
HomeDESTAQUESBurse vê oscilação no Vitória e projeta ajustes para próximo jogo

Burse vê oscilação no Vitória e projeta ajustes para próximo jogo

Após o empate em 0 a 0 diante do Altos-PI, fora de casa, o técnico do Vitória João Burse afirmou que projeta ajustes no time para a sequência da Série C. Ocupando a 15ª posição, o Vitória pode entrar na zona de rebaixamento caso Campinense e Floresta vençam suas partidas. O treinador também admitiu que viu oscilação do Leão dentro dos 90 minutos neste sábado (25).

“Também concordo que tivemos dois tempos distintos, um primeiro tempo mais equilibrado, com as duas equipes criando situações, e até os vinte do segundo tempo ainda estávamos equilibrados. Achei que depois a gente baixou as linhas de marcação se expôs mais”, explicou o técnico.

Ele também foi questionado pelo desempenho de Rodrigão, que apareceu pouco em campo e não teve uma oportunidade clara de finalzar ao gol adversário. “Eu pedi para que a gente colocasse essa bola no chão, a gente não estava conseguindo colocar essa bola no chão também pelo gramado, que deixava a bola mais viva e impossibilitava ela chegar pelo chão no Rodrigão. Mas acredito que as bolas altas ele conseguiu ganhar, na maioria. Não conseguimos ter êxito em uma infiltração, alguma situação para sair na cara do gol. Então a gente precisa de trabalho, a gente já teve uma semana de trabalho e agora é ajustar, olhar o que não funcionou para que a gente consiga ajustar pro próximo jogo”, completou João Burse.

Em sua chegada o treinador comentou sobre a importância de passar confiança para o elenco. Na primeira oportunidade dentro de campo Burse afirmou que viu os jogadores tentando mais e voltou a ressaltar que a partida teve momentos de equilíbrio e outros de trocação.

“Bem, eles [jogadores] tentaram. Como eu disse aqui, no primeiro tempo foi um jogo equilibrado, até os vinte do segundo tempo, e depois acho que a gente se expôs um pouquinho mais. As duas equipes acabaram se expondo e virou um um jogo de contra-ataque, onde acabou que eles tiveram até mais chance que a gente, mas também tivemos chances de fazer o gol. É continuar dando confiança, ajustando, esse é meu papel aqui como treinador, ver o que não funcionou e trabalhar para que possa ser ajustado”, afirmou. 

Veja outros destaques da coletiva de João Burse

O Vitória teve um primeiro tempo mais equilibrado em relação às chances criadas no ataque. No segundo tempo parece ter perdido força no meio-campo. Você concorda? O que faltou para manter o time em cima do adversário?

É exatamente o que a gente cobra, né? A gente teve uma semana de trabalho e conseguimos sustentar no primeiro tempo. Temos que continuar treinando ajustando para que a gente possa manter isso os noventa minutos.

O que te deixou mais preocupado? A defesa que não conseguiu ganhar uma bola pelo alto ou a falta de criatividade no meio?

Eu acho que a gente fica preocupado de um modo geral, a gente sabe que essa equipe pode render mais. Então só através de treino para a gente ver tudo o que funcionou, o que não funcionou, para que a gente possa treinar e ajustar, não tem outra maneira.

Pelo o que você viu nesse jogo, com esse elenco, dá para melhorar o desempenho, principalmente no setor ofensivo?

Temos que melhorar. Então a gente tem que dar confiança pros atletas, continuar trabalhando, temos uma semana de trabalho pela frente e agora é pensar no Figueirense.

Burse,  já deu para enxergar onde você terá mais dor de cabeça para arrumar a equipe?

De modo geral, a gente tem que ajustar todos os setores, né? Para que ele possa funcionar em sintonia. Como eu disse anteriormente, a gente tem que olhar o jogo com calma, ver onde funcionou, onde não funcionou, para que a gente possa colocar nosso trabalho durante a semana.
 

- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas