segunda-feira, novembro 23, 2020

Carrasco do Furacão, Bruno Henrique volta ao Flamengo para ser decisivo pela primeira vez na Copa do Brasil

Seis gols nos últimos oito jogos, um gol a cada dois jogos na temporada e prestes a completar 50 com a camisa do Flamengo. Bruno Henrique volta ao time nesta quarta-feira. E que reforço para Domènec Torrent!

Novamente protagonista desde que se recuperou da Covid-19, o atacante tem pela frente sua maior vítima na carreira: o Athletico-PR. E justamente na única competição em que não balançou as redes com a camisa rubro-negra: a Copa do Brasil.

Com 49 gols marcados, Bruno Henrique é o terceiro maior artilheiro do Flamengo no Século XXI, atrás somente de Renato Abreu (73) e Gabigol (59). Neste período, foi decisivo no Carioca, no Brasileirão, na Libertadores, na Recopa, na Supercopa e deixou sua marca no Mundial de Clubes. A Copa do Brasil é a única pendência, depois de passar em branco em três partidas em 2019 – jogou as oitavas de final contra o Corinthians e o jogo de ida das quartas.

Contra o próprio Athletico-PR, o camisa 27 foi desfalque na partida da eliminação no Maracanã no ano passado. Com uma lesão no tornozelo, viu de fora o empate por 1 a 1 seguido de derrota nos pênaltis. O troco veio no Brasileirão.

Bruno Henrique comemora gol contra o Athletico na Arena da Baixada pelo Brasileirão de 2019 — Foto: Jonathan Campos/Gazeta do Povo

Bruno Henrique comemora gol contra o Athletico na Arena da Baixada pelo Brasileirão de 2019 — Foto: Jonathan Campos/Gazeta do Povo

Bruno Henrique foi autor dos dois gols da vitória por 2 a 0 na Arena de Baixada e deixou sua marca também na Supercopa do Brasil, em Brasília, já em 2020. No total, são 10 gols marcados em 13 jogos contra o Furacão. Carrasco com as camisas de Flamengo, Santos e Goiás. O Vasco, com seis, é a segunda maior vítima.

Gols de BH contra o Athletico-PR

  • Pelo Goiás – 2 jogos / 2 gols
  • Pelo Santos – 6 jogos / 3 gols
  • Pelo Flamengo – 5 jogos / 5 gols

O atacante está firme ainda na disputa pelo posto de artilheiro rubro-negro na temporada. Em 2020, marcou 14 gols em 28 jogos e está na cola de Gabigol, com 16, e Pedro, com quem formará o ataque em Curitiba e que soma 17.

Bruno Henrique desfalcou o Flamengo contra o Internacional por suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Desde segunda-feira, ele se juntou ao elenco em Porto Alegre e será titular nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), na Arena da Baixada, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. O jogo de volta está marcado para o Maracanã, dia 4 de novembro.

- Advertisment -

Mais lidas

Doação, empréstimo e 8% das obras até dezembro: Atlético-MG publica finanças do futuro estádio

O Atlético-MG abasteceu o portal da transparência, lançado em setembro, com novas informações relacionadas à construção da Arena MRV, o futuro estádio...

Trocas na lista: Vasco inscreve Léo Matos, Gustavo Torres e Jadson na Sul-Americana

O Vasco inscreveu os últimos três reforços que contratou para a disputa da oitavas de final da Copa Sul-Americana. Respeitando o limite...

Ceará se reapresenta para jogo contra São Paulo; Brock pede time em alerta contra Z-4

Com o empate em 2 a 2 com o Atlético-MG, o jejum de vitórias do Ceará dura cinco partidas, e o time...

Osvaldo comemora passe para gol de David; veja ranking de assistências do Fortaleza em 2020

Após recuperação da Covid-19, o atacante Osvaldo voltou a atuar pelo Fortaleza na vitória diante do Botafogo, fora de casa, neste domingo...