CBF Social reúne técnicos das Seleções Feminina

“Um mais um sempre é sempre mais que dois”. A frase utilizada na apresentação de Sandra Santos, Coaching Esportiva da Seleção Feminina, retrata o segundo dia de ações do CBF Social “Seleção na Minha Cidade” em São Paulo. Neste domingo (26), no estádio Pacaembu, o Seminário Teórico e Prático de Futebol Feminino foi marcado pela união de forças em prol do desenvolvimento do futebol feminino.

Junto com profissionais de suas comissões, Emily Lima, treinadora da Principal Feminina, Doriva Bueno, técnico da Sub-20, e Luizão, comandante da Sub-17, analisaram o atual cenário do futebol feminino. Após participar da mesa redonda com seus demais companheiros de trabalho, Emily falou da contribuição do CBF Social para o desenvolvimento da modalidade.

– É importante desde o início que pensaram em incluir o departamento de seleção Feminina no projeto com a Seletiva. Antes fazíamos só a Seletiva e, hoje, existe uma série de ferramentas que o público do futebol feminino pode entender melhor o que está sendo feito dentro da Seleção, em todas as categorias. A gente não especifica uma, porque o trabalho está sistematizado dentro do que a gente acredita que é importante para a Seleção Brasileira – destacou Emily.

Ex-atleta da Seleção Brasileira, Aline Pellegrino também participou no encontro. Assim como na época de jogadora, a ex-capitã segue com um papel de liderança fora de campo. A coordenadora do Departamento de Futebol Feminino da Federação Paulista falou sobre o desenvolvimento do futebol entre as mulheres e apresentou os projetos da FPF para a modalidade. Ao fim da apresentação, Aline revelou o que sonha para o futuro do futebol feminino no Brasil.

– Meu sonho é ver o futebol feminino enraizado, massificado, profissional. Isso é um processo a longo prazo, mas a gente já deu esse start – afirmou a ex-capitã da Seleção Brasileira.

Integrantes da comissão técnica da Seleção Brasileira, a coaching Sandra Santos e o analista de desempenho Júlio Resende também trocaram experiências com o público que encheu o auditório do Pacaembu. A professora Silvana Vilodre Goellner enriqueceu o debate com um breve histórico do futebol feminino no Brasil.

Na parte da tarde, o público teve o privilégio de acompanhar de perto uma aula prática com os técnicos Luizão e Doriva Bueno. No gramado do Pacaembu, os treinadores demonstraram algumas das atividades realizadas na Seleção Brasileira.

O projeto “Seleção na Minha Cidade” do CBF Social segue em São Paulo até o dia 28. Nesta segunda-feira (27), serão realizados o lançamento do “Apitinho de Ouro”, o Festival de Beach Soccer e a primeira etapa da Seletiva Feminina.