sábado, julho 4, 2020
Home DESTAQUES CBF registra receita e investimento recordes em 2019

CBF registra receita e investimento recordes em 2019

Entidade teve receitas totais de R$ 957 milhões. Investimentos no futebol superaram os R$ 535 milhões em 2019.

A Assembleia Geral da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) aprovou, por unanimidade, nesta terça-feira, 17, as demonstrações financeiras da entidade para o ano de 2019.

A receita total foi de R$ 957 milhões, o que representou um aumento de 43,3% em relação a 2018. Este número foi alcançado, especialmente, pela elevação de três fontes de receitas da entidade: patrocínios, direitos de transmissão e comerciais e Fundo de Legado da Copa do Mundo de 2014.

Mais da metade desse montante foi aplicada direta e indiretamente no futebol. Dos R$ 535 milhões investidos pela CBF em 2019, destacam-se os R$ 215 milhões aplicados no custeio das Seleções Principal, Feminina e de Base e os R$ 320 milhões investidos na realização de competições e no fomento do futebol em todos os Estados brasileiros.

Assembleia Geral Ordinária - 17/03/2020

A evolução dos investimentos diretos e indiretos no futebol brasileiro
Créditos: CBF

– A CBF é hoje uma grande empresa brasileira, com gestão e resultados na proporção do seu porte. Chegamos a mais de meio bilhão de reais investido no futebol nacional apenas em 2019. Se considerarmos os últimos três anos, os valores aportados superam R$ 1,37 bilhão – avalia o presidente Rogério Caboclo, ressaltando que o investimento se refletiu diretamente nos resultados em campo.

– Em 2019 tivemos sucesso onde mais importa, que é dentro de campo. As Seleções Brasileiras foram protagonistas no ano que passou. Vencemos a Copa América, a Copa do Mundo Sub-17, o Torneio de Toulon, o Sul Americano Sub-15, além de outros torneios de base no exterior e no Brasil. Os times masculino e feminino garantiram suas presenças nos Jogos Olímpicos. Nossas competições foram todas concluídas com êxito. O Campeonato Brasileiro teve recorde de público nos estádios e tivemos um ano de grandes investimentos na Seleção e no futebol feminino – conclui.

Assembleia Geral Ordinária - 17/03/2020

A evolução da receita total da Confederação Brasileira de Futebol
Créditos: CBF

O superávit do exercício foi de R$ 190 milhões, o que reflete um aumento de 265% em relação ao ano anterior.

Somando-se todos os encargos sociais e tributos federais, estaduais e municipais, a CBF recolheu aos cofres públicos o montante de R$ 189,6 milhões ao longo do exercício de 2019.

O ativo total da CBF ao final de 2019 foi de R$ 1,248 bilhão, um crescimento significativo em relação ao valor de R$ 1,046 bilhão registrado no ano de 2018. Antes de serem levados à Assembleia Geral, os números foram submetidos à auditoria independente e ao Conselho Fiscal da entidade. Em ambos, houve aprovação sem ressalvas.

- Advertisment -

Mais lidas

Advogados veem São Paulo protegido em disputa com zagueiro que pede rescisão

O São Paulo está protegido pela legislação brasileira na disputa com o jovem zagueiro Lucas Fasson, que recentemente solicitou rescisão contratual do clube, segundo advogados...

Inter chega a acordo e já troca documentos com clube árabe para finalizar venda de Erik

Após um recuo na negociação, Inter e Al Ain chegaram a um acordo sobre a negociação envolvendo Erik. O Colorado aceitou a oferta de...

Análise: sem gols após volta, ataque do Fluminense precisará mudar estilo para aproveitar o melhor de Fred

Depois da derrota por 3 a 0 para o Volta Redonda, um empate insosso em 0 a 0 com o Macaé pela...

Atletas do Ceará estão com níveis de força similares aos de antes da pausa; preparador elogia e explica

O Ceará já treina de forma presencial há mais de um mês. Desde a último confronto na Arena Castelão (Ceará 2 x...