Ederson pega pênalti, Mitroglou marca, e Benfica sai na frente nas oitavas

O JOGO

Se Taffarel e Sylvinho estavam no estádio da Luz para observarem Ederson, ele cumpriu direitinho seu papel para entrar na briga por uma convocação para a seleção brasileira. Mitroglou abriu o placar para o Benfica no início do segundo tempo, o Borussia Dortmund pressionou em busca do empate, mas o goleiro brasileiro brilhou para segurar o 1 a 0 em Lisboa e deixar o time português em vantagem nas oitavas de final da Liga dos Campeões.

JOGO DE VOLTA

A partida de volta, com direito a Muralha Amarela no Westfalenstadion, ainda vai demorar a acontecer. As equipes voltam a se enfrentar apenas no dia 8 de março, na Alemanha. O Benfica avança com um empate. Se marcar na casa do adversário, o time português pode perder por um gol de diferença que ainda se classifica. Em caso de vitória por 1 a 0 do Borussia Dortmund, a partida vai para a prorrogação.

QUE DIA!

O pênalti foi o momento mais marcante, mas não foi a única vez que Ederson brilhou nesta terça. O goleiro até se enrolou duas vezes com a defesa no primeiro tempo, inclusive cometendo falta dura em Dembélé que o árbitro não viu. Mas, na segunda etapa, o goleiro foi impecável e garantiu a vitória. Além da penalidade, parou chance cara a cara de Dembélé e fez defesa espetacular em chute de Pulisic de fora da área que desviou em Raúl Jiménez.

– Foi um jogo difícil, e eu fiz o meu melhor para ajudar o time. O ataque deles é muito forte, mas nossa defesa estava preparada. O segredo para defender pênaltis é estudar seu adversário e ficar focado – disse Ederson.