domingo, maio 22, 2022
BNR-728X90-RENOVACAO---SOCIAL
BNR-728X90-RENOVACAO---ILUMINACAO
BNR-728X90-RENOVACAO---PAVIMENTACAO
HomeVitóriaEntenda por que Carpegiani considera Erick e Lucas fundamentais para o Vitória

Entenda por que Carpegiani considera Erick e Lucas fundamentais para o Vitória

Depois da derrota do Vitória para o Ceará, no último sábado, ficou bem nítido o quanto o técnico Paulo Cézar Carpegiani considera o atacante Erick e o zagueiro Lucas Ribeiro fundamentais para o time. Suspensos, os dois desfalcaram a equipe e viram de longe o Rubro-Negro ser dominado e pouco fazer para segurar o Vovô. A boa notícia é que os dois estão à disposição para o confronto deste domingo, contra o Botafogo, e podem manter a série invicta juntos.

Erick e Lucas Ribeiro estiveram na mesma formação titular em apenas três partidas pelo Vitória, todas com Carpegiani. Ajudaram o time a superar Vasco e América-MG no Barradão e empataram com o Fluminense, no Rio de Janeiro. Nesses jogos, o Vitória marcou dois gols, sendo um de Erick, e saiu com a defesa zerada. Situação que não se repetiu no jogo contra o Ceará, quando o Vitória foi vazado duas vezes, mostrou fragilidade defensiva e pouco criou.

– Temos as voltas de dois jogadores fundamentais, um na defesa e outro na frente e que essas ausências acabaram pesando. Não justifica, mas fizeram muita falta sim – disse Carpegiani após a partida contra o Ceará.

Mas por que dois jogadores, um de 20 anos e outro de 19, fariam tanta falta para o Vitória na visão de Paulo Cézar Carpegiani? O próprio treinador explica. Carpegiani acredita que não tenha no elenco um jogador para executar a mesma função de Erick. Canhoto, o atacante joga pelo lado direito, de perna trocada. Por isso que na ausência do titular o treinador optou por escalar a equipe com o lateral-esquerdo Bryan, improvisado mais à frente, situação que não funcionou.

Erick foi responsável pelo gol do último triunfo do Vitória  — Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória / Divulgação

Erick foi responsável pelo gol do último triunfo do Vitória — Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória / Divulgação

– Não tenho o pé esquerdo, isso que é a realidade. Grande falta que faz o menino, que é o Erick, que joga melhor pelo lado direito. É o único pé esquerdo que temos. Tenho procurado nas categorias de base, alguém que faça a função, que seja mais enquadrado. Ele não fez uma má partida. Não adianta colocar qualquer outro, o Lucas [Fernandes] naquele setor, não vai render, não vai tentar a linha de fundo.

- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas