O Vasco dá seguimento nesta segunda-feira (06) na preparação para o duelo com o Vitória, quinta-feira (09), em São Januário, pela partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Uma partida de muita importância para o cruzmaltino, que tenta largar na frente pela classificação, e especial para Escudero. Com uma passagem marcante de três anos pelo Barradão, o meia argentino irá enfrentar o Vitória pela primeira vez desde que saiu do clube baiano, em dezembro de 2015.
“É um jogo diferente, lógico. Vivi um dos melhores momentos da minha carreira no Vitória, foram 100 jogos com a camisa do clube e tenho até hoje uma relação de muito carinho com a torcida. Muitos até têm brincado comigo nas redes sociais sobre este confronto…(risos) Mas quem me conhece sabe do meu comprometimento com a camisa que visto. Farei o meu melhor pelo Vasco, vou lutar por cada bola para vencer  a partida.  E também sempre vou respeitar muito o Vitória, um clube que marcou minha vida”, destaca o meia vascaíno.
Com oito jogos, um gol e uma assistência pelo Vasco na atual temporada, Escudero acredita que a equipe chega muito bem para essa partida decisiva. “Estamos tendo um período maior de preparação para esse jogo, que é importantíssimo para todos nós. Estamos cientes das dificuldades que vamos enfrentar e precisamos fazer um bom resultado para decidir lá no Barradão, onde sempre é difícil jogar”, completa Escudero.
Aos 29 anos, Escudero está em seu quarto clube no futebol brasileiro – além do Vitória, antes, atuou por Grêmio e Atlético-MG. Revelado pelo Vélez Sarsfield, também jogou no Boca Juniors, nos espanhóis Villarreal e Valladollid, e na temporada 2016 defendeu o Puebla, do México.