quinta-feira, junho 30, 2022
BNR-728X90-RENOVACAO---SOCIAL
BNR-728X90-RENOVACAO---ILUMINACAO
BNR-728X90-RENOVACAO---PAVIMENTACAO
HomeBrasileirão - Serie AGuerrero passa em branco em mais um Gre-Nal, mas ganha defesa: "Campo...

Guerrero passa em branco em mais um Gre-Nal, mas ganha defesa: “Campo não favoreceu”

Paolo Guerrero foi alvo de cobranças dos colorados – e ironias dos gremistas – após a derrota do Inter no Gre-Nal, nesta quarta-feira, no Centenário. O motivo? O peruano passou mais um clássico em brancoo sexto desde que chegou ao Beira-Rio. O jejum em clássicos causa certo incômodo, mas não a ponto de alterar o respaldo do clube, principalmente do técnico Eduardo Coudet.

Liberado para jogar pelo Inter desde 2019, Guerrero conquistou rapidamente a idolatria da torcida, mas ainda não conseguiu uma atuação destacada nos embates contra o maior rival. São seis Gre-Nais disputados, mais de 500 minutos em campo e nenhum gol marcado. Pior do que isso: nenhuma vitória, o que só torna o retrospecto contra o Grêmio ainda mais amargo.

O centroavante estreou em Gre-Nais na decisão do Gauchão do ano passado. Foram dois empates sem gols, com título do Grêmio nos pênaltis. Ainda em 2019, participou da derrota por 2 a 0 na Arena, pelo Brasileirão, e ficou de fora do empate em 1 a 1 no Beira-Rio, em clássico disputado entre os reservas. Neste ano, esteve em campo na derrota por 1 a 0 no primeiro turno do Gauchão, no empate sem gols pela Libertadores e no clássico de ontem.

Guerrero em Gre-Nais

  • 6 jogos
  • 0 gol
  • 3 derrotas
  • 3 empates
  • 0 vitória
Guerrero passou em branco no Gre-Nal — Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Guerrero passou em branco no Gre-Nal — Foto: Ricardo Duarte/Internacional

No Centenário, Guerrero mais uma vez não representou perigo ao gol de Vanderlei. Também não levou vantagem nos duelos contra Kannemann ou Geromel. Apareceu mais no fim do jogo, quando se envolveu um em empurra-empurra com outro zagueiro gremista, Paulo Miranda.

Mas apesar da atuação apagada, Coudet saiu em defesa do centroavante na entrevista coletiva após a partida. Na avaliação do treinador, o peruano ficou isolado na frente, na falta de um segundo atacante no time. Mas o que mais prejudicou sua atuação foi a qualidade do gramado, afirmou o técnico.

– Eu gosto de jogar com dois atacantes. Pelas circunstâncias nessa situação, que não é agradável para ninguém a nível mundial, tivemos à disposição nada mais do que dois atacantes. Não gosto de falar individualmente, mas se falo do Paolo, o campo não o favoreceu. Não quero colocar o campo de jogo como desculpa. Mas em um Gre-Nal, um espetáculo como esse, teria que ter outras condições – reclamou Coudet.

Com a derrota no Gre-Nal, o Inter segue com sete pontos e lidera o Grupo A no segundo turno do Gauchão. A equipe volta a campo no sábado, às 19h, para encarar o Esportivo. A partida está marcada para a Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves.

- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas