quinta-feira, junho 30, 2022
BNR-728X90-RENOVACAO---SOCIAL
BNR-728X90-RENOVACAO---ILUMINACAO
BNR-728X90-RENOVACAO---PAVIMENTACAO
HomeBrasileirão - Serie AInter mantém treinos após casos de Covid-19 e apura origem de contágio...

Inter mantém treinos após casos de Covid-19 e apura origem de contágio entre atletas

Inter adiou a reapresentação do elenco na última segunda-feira para antecipar a quarta bateria de exames de Covid-19. Um atleta já havia testado positivo para a doença, e o temor de mais casos se confirmou na terça, com os primeiros quatro casos de jogadores diagnosticados com o novo coronavírus.

Passado o “furor” da notícia, o departamento médico do clube mantém contato com os atletas infectados e tenta identificar o vetor do contágio em cada caso. Os médicos pretendem traçar de onde veio a contaminação até como forma de preservar familiares e pessoas do entorno destes jogadores.

Todos eles estão assintomáticos e foram afastados das atividades pelo clube. Os demais atletas testaram negativo e seguirão normalmente a rotina de trabalhos no CT do Parque Gigante, com reapresentação marcada para esta quarta – salvo adiamento devido à chuva e a ventos fortes que atingem Porto Alegre desde a noite desta terça-feira.

Inter realiza treinos com jogadores separados entre si no CT — Foto: Ricardo Duarte/Divulgação

O clube mantém o nome dos atletas que testaram positivo em sigilo total, conforme orientação do departamento médico. Tanto que cada um dos jogadores recebeu o resultado dos exames de forma individual. Conforme apurado, dois dos atletas com Covid-19 têm contato fora do ambiente do clube. A situação causa incômodo interno no clube.

O clube conseguiu identificar que o contágio não ocorreu no ambiente do CT do Parque Gigante. De acordo com o vice de futebol Alessandro Barcellos, os quatro atletas treinam em grupos diferentes de trabalho, sem contato no dia a dia do clube.

Isso dá segurança aos dirigentes de que os cuidados adotados para a retomada dos trabalhos em meio à pandemia do coronavírus funcionam ao menos para que o ambiente do clube não seja vetor de contágio.

Além disso, o entendimento é de que o protocolo de saúde serve também para diagnosticar casos e evitar contágio de pessoas próximas aos jogadores.

– Nunca negamos essa possibilidade, nunca dizemos que somos imunes. O nosso trabalho é para que lá dentro não seja um vetor de contaminação. Tiveram testes positivos, a gente comunicou, foi todo mundo testado. Isolamos os contaminados. Para isso, existe o protocolo. Vamos seguir treinando com os que estão aptos – afirma Barcellos ao GloboEsporte.com.

> Confira o protocolo do Inter:

  • Exames periódicos a cada mês para Covid-19;
  • Caso um atleta ou funcionário apresente sintomas, ele é afastado por três dias e realiza o teste PCR;
  • Se o resultado deste teste for positivo, ele permanece afastado das atividades, e o restantes profissionais passam por uma bateria extra de exames;
  • Se mais alguém testar positivo, também é afastado das atividades. Os casos negativos são liberados para seguir os treinamentos.

Foi o que ocorreu com os quatro atletas que testaram positivo. Na última quinta-feira, um dos jogadores reclamou de sintomas de Covid-19. No sábado, ele foi submetido ao exame que confirmou o contágio. Com o resultado, todos no clube passaram por nova bateria de testes, com mais três novos casos.

Antes disso, o Inter já havia feito três baterias de testes, sem resultados positivos até então. Outros cinco jogadores reclamaram de sintomas leves e foram submetidos a exames, mas não houve confirmação de Covid-19.

– Temos segurança que o processo de minimizar o contágio continua muito ativo. Estamos controlando os atletas, não tivemos nenhum sintoma e o trabalho tem funcionado muito bem. Não é com esses casos positivos que vamos retirar nossa solicitação de continuar avançando nos treinos. Porque o protocolo está mostrando que é efetivo – defende o coordenador médico Luiz Crescente.

Além dos testes, o protocolo estipula uma série de cuidados no dia a dia de trabalhos. Atletas e funcionários são submetidos a exames diários, com checagem de temperatura e nível de oxigênio no sangue.

Os atletas chegam ao clube já fardados para as atividades e vão de seus carros direto para o campo. O clube reduziu o número de funcionários e até de integrantes da comissão técnica. O acesso a vestiário, academia, refeitório e demais áreas internas do CT está proibido.

- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas