segunda-feira, maio 16, 2022
BNR-728X90-RENOVACAO---SOCIAL
BNR-728X90-RENOVACAO---ILUMINACAO
BNR-728X90-RENOVACAO---PAVIMENTACAO
HomeDESTAQUESJardim Peri, anonimato e início de ciclo: como estavam os 23 de...

Jardim Peri, anonimato e início de ciclo: como estavam os 23 de Tite em 2014?

Tite recuperou a confiança da seleção brasileira. Às vésperas da Copa do Mundo, o Brasil aparece como um dos favoritos para a conquista do Mundial. Mas como estava a carreira dos jogadores convocados para o Mundial da Rússia há quatro anos?

ALISSON

Alisson começou a caminhada como titular no Internacional em 2014 (Foto: Tomás Hammes / GloboEsporte.com)

Alisson começou a caminhada como titular no Internacional em 2014 (Foto: Tomás Hammes / GloboEsporte.com)

2014 – INTERNACIONAL

Formado nas categorias de base do clube gaúcho, Alisson era apenas uma aposta há quatro anos. Fez o primeiro jogo como profissional em 2013 – 1 a 1 contra o Cruzeiro-RS, pelo Gaúchão -, aos 20 anos, mas só assumiu a titularidade da equipe na reta final da temporada 2014.

2018 – ROMA

A vida de Alisson mudou radicalmente em quatro anos. Deixou de ser mais um entre os bons goleiros brasileiros para virar o homem de confiança de Tite. Trocou o Internacional pela Roma, da Itália, e chega ao Mundial da Rússia como um dos jogadores mais cobiçados na janela de transferências europeia. 

Alisson em ação contra Salah, pela Roma, na Liga dos Campeões (Foto: Reuters)

Alisson em ação contra Salah, pela Roma, na Liga dos Campeões (Foto: Reuters)

CÁSSIO

Cássio, em 2014, já estava estabilizado no Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

Cássio, em 2014, já estava estabilizado no Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

2014 – CORINTHIANS

Cássio já era ídolo do Timão. Um dos símbolos da conquista do Mundial de Clubes, em 2012, era homem de confiança de Mano Menezes no Corinthians e referência no elenco.

2018 – CORINTHIANS

Mantendo a regularidade como ponto forte, o panorama não mudou. Mesmo alternando com Walter alguns momentos de titularidade no clube, Cássio segue como uma das lideranças de um time renovado. Chegou ao Mundial após conquista do Paulistão contra o Palmeiras, mais uma vez como protagonista na disputa por pênaltis.

ÉDERSON

Éderson atuava no Rio Ave, de Portugal, antes de brilhar no Manchester City (Foto: Reprodução/Instagram)

Éderson atuava no Rio Ave, de Portugal, antes de brilhar no Manchester City (Foto: Reprodução/Instagram)

2014 – RIO AVE (PORTUGAL)

Aos 20 anos, Éderson dava os primeiros passos no futebol europeu. O goleiro assumiu a titularidade do Rio Ave, de Portugal, no decorrer da temporada 2013/2014, aparecendo como um dos destaques da liga nacional na posição.

2018 – MANCHESTER CITY

Com aval de Pep Guardiola, Éderson ganhou moral. Em quatro anos, subiu de patamar e é uma das grandes promessas do Brasil. Titular do Manchester City, conquistou a Premier League e garantiu uma das três vagas na Seleção de Tite.

Guardiola tem em Éderson a confiança no gol do Manchester City (Foto: Reuters)

Guardiola tem em Éderson a confiança no gol do Manchester City (Foto: Reuters)

DANILO

Fora da Copa, Danilo estava emprestado ao Porto em 2014 (Foto: Reuters)

Fora da Copa, Danilo estava emprestado ao Porto em 2014 (Foto: Reuters)

2014 – PORTO

Antes da Copa do Mundo do Brasil, Danilo era o dono da lateral direita do Porto. Em alta no clube português, já chamava a atenção das duas principais potências da Europa: Barcelona e Real Madrid.

2018 – MANCHESTER CITY

Após defender o Real Madrid – na reserva de Carvajal -, optou por deixar a Espanha e assinar com o Manchester City, de Guardiola. Segundo o jogador, a mudança foi para ter uma chance na Copa. Alternou momentos no time titular e na reserva do clube inglês, mas ganhou destaque pela versatilidade – atuou como lateral-direito, lateral-esquerdo e até volante. Sem a concorrência de Daniel Alves, com uma lesão antes do Mundial, carimbou a vaga na Rússia e aparece na frente na disputa com Fágner.

O lateral trocou o Real Madrid pelo Manchester City e foi convocado por Tite (Foto: REUTERS/Phil Noble)

FÁGNER

Fágner chegou ao Corinthians em 2014 (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

Fágner chegou ao Corinthians em 2014 (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

2014 – CORINTHIANS

Chegou ao Timão, clube em que iniciou a carreira, em janeiro de 2014, emprestado pelo Wolfsburg, da Alemanha. Agradou a Mano e caiu rapidamente nas graças da torcida, tomando conta da lateral.

2018 – CORINTHIANS

Mais experiente, segue no clube paulista, mas agora como um dos principais valores do elenco. Em 2018, Aos 29 anos – aniversariante desta segunda -, usou a regularidade e a confiança de Tite para garantir uma das vagas no grupo que busca o hexa na Rússia.

FILIPE LUÍS

Filipe Luís trocou o Atlético de Madrid pelo Chelsea ao fim da Copa de 2014 (Foto: Reprodução / Facebook do Chelsea)

Filipe Luís trocou o Atlético de Madrid pelo Chelsea ao fim da Copa de 2014 (Foto: Reprodução / Facebook do Chelsea)

2014 – ATLÉTICO DE MADRID / CHELSEA

Filipe Luís estava entre os cotados para disputar a Copa do Mundo de 2014. Titular do Atlético de Madrid, o jogador começou a ganhar destaque no cenário europeu. Não foi convocado, mas trocou a Espanha pela Inglaterra ao fim do Mundial para defender a camisa do Chelsea.

2018: ATLÉTICO DE MADRID

Identificado com o clube, voltou ao Atlético de Madrid. Em alta na temporada, passou por momento dramático às vésperas da Copa: com uma fratura na fíbula, correu o risco de perder o Mundial, mas voltou antes do previsto e ainda terminou a temporada com o título da Liga Europa. É o reserva imediato de Marcelo.

De volta ao Atlético de Madrid, Filipe foi chamado por Tite para a Copa da Rússia (Foto: Reuters)

De volta ao Atlético de Madrid, Filipe foi chamado por Tite para a Copa da Rússia (Foto: Reuters)

MARCELO

Marcelo chegou em 2007 e é referência no Real Madrid (Foto: Agência Reuters)

Marcelo chegou em 2007 e é referência no Real Madrid (Foto: Agência Reuters)

Completou em 2014 sete anos de Real Madrid, com direito a todas as conquistas no currículo. Já considerado um dos melhores da posição no mundo, o lateral-esquerdo foi para a Copa do Mundo do Brasil com mais um título no bolso: a Liga dos Campeões – 4 a 1 contra o Atlético de Madrid, com um gol marcado na prorrogação.

2018 – REAL MADRID

Pouca coisa mudou na vida de Marcelo. A experiência adquirida nos quatro anos deu ainda mais regularidade e aumentou o prestígio do jogador, que segue como referência na posição. Estava, mais uma vez, como titular na conquista da Liga dos Campeões 17/18, diante do Liverpool. É o titular de Tite na Rússia.

GEROMEL

Pedro Geromel chegou no Grêmio para a temporada 2014 (Foto: Diego Guichard/GloboEsporte.com)

Pedro Geromel chegou no Grêmio para a temporada 2014 (Foto: Diego Guichard/GloboEsporte.com)

2014 – GRÊMIO

Poucos conheciam Pedro Geromel em 2014 quando o zagueiro desembarcou em Porto Alegre para acertar empréstimo ao Grêmio – pertencia ao Colônia, da Alemanha. Praticamente um anônimo, foi ganhando espaços aos poucos e terminou a temporada como titular.

2018 – GRÊMIO

Em quatro anos, deixou o anonimato para virar “Geromito”. As atuações na conquista Libertadores e no vice do Mundial, contra o Real Madrid, fizeram aumentar os pedidos por uma convocação. Convenceu Tite, ganhou status de melhor zagueiro em atividade no país e foi premiado com a vaga na Copa.

MARQUINHOS

Marquinhos chegou em 2013 no PSG (Foto: Reprodução / Site Oficial)

Marquinhos chegou em 2013 no PSG (Foto: Reprodução / Site Oficial)

2014 – PSG

Marquinhos chegou ao PSG como uma grande aposta. Destaque na Roma, começou a trajetória no clube francês com o companheiro Thiago Silva como referência. Era apenas um nome para o futuro do futebol brasileiro.

2018 – PSG

As previsões se confirmaram, e Marquinhos deixou de ser promessa para virar titular do PSG. Passou grande parte do ciclo com Tite como titular, mas chega ao Mundial, após conquista do Francês pelo PSG, como reserva.

MIRANDA

Miranda era um dos pilares da defesa do Atlético de Madrid em 2014 (Foto: Getty)

Miranda era um dos pilares da defesa do Atlético de Madrid em 2014 (Foto: Getty)

2014 – ATLÉTICO DE MADRID

A grande fase de Miranda no futebol espanhol o credenciava para uma das quatro vagas na defesa já na Copa do Mundo de 2014. Acabou fora da lista de Felipão.

2018 – INTER DE MILÃO

Longe dos holofotes das ligas de peso da Europa, mas em alta com o torcedor brasileiro e Tite. Assim chega Miranda para o Mundial da Rússia. Titular da Inter de Milão, o zagueiro é um dos intocáveis da Seleção.

Miranda trocou Madri por Milão e ganhou vaga entre os 23 de Tite na Copa (Foto: Alberto Lingria/Reuters)

Miranda trocou Madri por Milão e ganhou vaga entre os 23 de Tite na Copa (Foto: Alberto Lingria/Reuters)

THIAGO SILVA

Thiago Silva já era capitão do PSG em 2014 (Foto: AFP)

Thiago Silva já era capitão do PSG em 2014 (Foto: AFP)

2014 – PSG

Thiago Silva já era o “Monstro” em 2014. Capitão do PSG e uma das principais lideranças da Seleção antes da Copa do Mundo.

2018: PSG

Desacreditado em grande parte da preparação para a Copa do Mundo, recuperou a confiança. Com uma campanha sólida no PSG – ainda com a braçadeira de capitão -, recuperou gradualmente o espaço na Seleção. Ganhou, na reta final, a posição de titular com Tite.

CASEMIRO

Casemiro foi emprestado ao Porto logo após a Copa do Mundo do Brasil (Foto: Reuters)

Casemiro foi emprestado ao Porto logo após a Copa do Mundo do Brasil (Foto: Reuters)

2014 – REAL MADRID / PORTO

O ano de 2014 foi de mudança constante para Casemiro. Após chegar ao Real Madrid com grande expectativa, atuou no time B. Para pegar experiência, o jogador de 22 anos foi emprestado ao Porto logo após o fim do Mundial do Brasil.

2018 – REAL MADRID

Aparece atualmente como um dos grandes volantes do futebol mundial, principalmente na proteção aos zagueiros. Evoluiu com Zidane, tomou conta da camisa 5 da seleção brasileira, conquistou a terceira Liga dos Campeões pelo Real Madrid e é intocável no esquema de Tite.

Casemiro foi um dos intocáveis da era Zidane no Real Madrid (Foto: Armando Babani/EFE)

Casemiro foi um dos intocáveis da era Zidane no Real Madrid (Foto: Armando Babani/EFE)

FERNANDINHO

Fernandinho está no City desde 2013 - e vai para a segunda Copa do Mundo (Foto: Reuters)

Fernandinho está no City desde 2013 – e vai para a segunda Copa do Mundo (Foto: Reuters)

2014 – MANCHESTER CITY

Fernandinho chegou ao Mundial do Brasil, em 2014, em alta. Na primeira temporada no futebol inglês, defendendo a camisa do Manchester City, chamou a atenção de Luiz Felipe Scolari e marcou presença na Copa.

2018: – MANCHESTER CITY

Superou as críticas e se beneficiou com a chegada de Guardiola ao Manchester City. Ainda no clube inglês, foi titular na campanha do título da Premier League e mostrou evolução, principalmente na saída de bola e proteção. Briga por uma vaga no time titular de Tite.

FRED

Fred chegou Shakhtar na temporada 2013/2014 (Foto: Divulgação / Site Oficial do Shakhtar Donetsk)

Fred chegou Shakhtar na temporada 2013/2014 (Foto: Divulgação / Site Oficial do Shakhtar Donetsk)

2014 – SHAKHTAR DONETSK

Assim como muitos brasileiros, Fred teve a primeira temporada no futebol europeu no Shakhtar. Longe dos grandes centros, teve dificuldade inicial para adaptação, mas foi ganhando oportunidades no time principal de Lucescu.

2018 – MANCHESTER UNITED

O destaque na última temporada pelo Shakhtar e a convocação para a Seleção elevaram o nível de Fred, antes mesmo da disputa da Copa do Mundo. Antes de se juntar ao grupo na Rússia, acertou a ida para o Manchester United, de José Mourinho. É opção no banco para Tite.

PAULINHO

Paulinho estava em baixa no Tottenham em 2014 (Foto: AFP)

Paulinho estava em baixa no Tottenham em 2014 (Foto: AFP)

2014 – TOTTENHAM

As grandes atuações com a camisa do Corinthians e o desempenho na Copa das Confederações levaram Paulinho ao Tottenham. Em 2014, no ano do Mundial, o volante sofria para se adaptar ao futebol inglês e apresentava um futebol muito diferente do que o consagrou no Brasil.

2018 – BARCELONA

Foi para China, mas voltou a ser chamado por Tite para a Seleção, o que o levou ao Barcelona. Em 2018 segue como um dos meias de maior confiança no Brasil – é outro intocável no esquema.

Paulinho deixou o futebol chinês para vestir a camisa do Barça (Foto: Reuters)

Paulinho deixou o futebol chinês para vestir a camisa do Barça (Foto: Reuters)

PHILIPPE COUTINHO

Coutinho já era xodó da torcida do Liverpool em 2014 (Foto: Agência Reuters)

Coutinho já era xodó da torcida do Liverpool em 2014 (Foto: Agência Reuters)

2014 – LIVERPOOL

Philippe Coutinho conquistou rapidamente o coração dos torcedores do Liverpool. Em 2014, na segunda temporada no clube, era um dos mais queridos ao lado de nomes consagrados, como Gerrard. Era visto como um dos principais nomes da geração do futebol brasileiro – a mesma de Neymar.

2018 – BARCELONA

O garoto amadureceu, seguiu com grandes números individuais e deixou o Liverpool para acertar com o Barcelona. No clube, ganhou espaço com Ernesto Valverde e manteve as boas atuações. Aparece, hoje, como um dos grandes talentos da Seleção.

Philippe Coutinho acertou com o Barcelona em janeiro de 2018 (Foto: Heino Kalis/Reuters)

Philippe Coutinho acertou com o Barcelona em janeiro de 2018 (Foto: Heino Kalis/Reuters)

RENATO AUGUSTO

Renato Augusto era opção para o meio de Tite no Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Renato Augusto era opção para o meio de Tite no Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

2014 – CORINTHIANS

A temporada de 2014 foi determinante na carreira de Renato Augusto. Após sair recuperado de uma sequência de lesões, cresceu, chamou a responsabilidade no Corinthians e ganhou a confiança de Mano.

2018 – BEIJING GUOAN

Líder do grupo, Renato caminhou seguro para uma vaga na Copa do Mundo da Rússia. Mesmo na China, ganhou voto de confiança de Tite. É um dos que mais preocupam antes da estreia: está em fase de recuperação de uma lesão no joelho.

Renato deixou o futebol brasileiro para defender o Beijing Guoan (Foto: Divulgação/Site oficial do Beijing Guoan)

Renato deixou o futebol brasileiro para defender o Beijing Guoan (Foto: Divulgação/Site oficial do Beijing Guoan)

WILLIAN

Willian vestiu a camisa do Chelsea na temporada 2013/2014 (Foto: Reuters)

Willian vestiu a camisa do Chelsea na temporada 2013/2014 (Foto: Reuters)

2014 – CHELSEA

Willian deixou o Brasil com um futuro promissor, após se destacar no Corinthians. O atacante, que defendeu as cores do Shakhtar e do Anzhi, foi uma das figuras importantes dos Blues na conquista da Premier League e da Copa da Liga Inglesa, em 2014, ano seguinte ao da sua chegada à equipe.

2018 – CHELSEA

Estabelecido no futebol inglês, Willian se firmou rapidamente no Chelsea – é uma das referências do time, recheado de estrelas mundiais. Na temporada 2017/2018, adicionou o título da Copa da Inglaterra ao seu currículo, conquistada na vitória por 1 a 0 contra o Manchester United.

DOUGLAS COSTA

Em 2014, Douglas Costa era um dos muitos brasileiros no Shakhtar (Foto: Getty Images)

Em 2014, Douglas Costa era um dos muitos brasileiros no Shakhtar (Foto: Getty Images)

2014 – SHAKHTAR DONETSK

Douglas Costa atuava no Shakhtar Donetsk quatro anos atrás. Foi nos gramados da Ucrânia – onde conquistou cinco campeonatos nacionais – que a velocidade do atacante fez despertar o interesse do Bayern de Munique, que viria a contratá-lo, em 2015.

2018 – JUVENTUS

Emprestado para a Juventus no ano passado, Douglas Costa encaixou tão bem no time, que o clube exerceu o direito de compra e acertou sua contratação até 2022. O gaúcho, revelado pelo Grêmio, ergueu a taça do Campeonato Italiano e da Copa da Itália na temporada 2017/2018. Recuperado de lesão, é um dos homens para mudar o jogo no Brasil.

Douglas Costa assinou contrato para ficar até 2022 na Juventus (Foto: Marco BERTORELLO / AFP)

Douglas Costa assinou contrato para ficar até 2022 na Juventus (Foto: Marco BERTORELLO / AFP)

GABRIEL JESUS

Gabriel Jesus, em 2014, pintava as ruas do Jardim Peri antes da Copa (Foto: Reprodução/Instagram)

Gabriel Jesus, em 2014, pintava as ruas do Jardim Peri antes da Copa (Foto: Reprodução/Instagram)

2014 – BASE DO PALMEIRAS

Não era nem jogador profissional em 2014. Gabriel Jesus era um dos destaques da base do futebol brasileiro, já monitorado pelo profissional do Palmeiras – só fez a estreia no time principal em 2015. Como na foto acima, pintava a rua para acompanhar a Copa do Mundo do Brasil.

2018 – MANCHESTER CITY

De jogador de base a motivo de ligação de Pep Guardiola. Gabriel Jesus reforçou o Manchester City e virou o camisa 9 da Seleção. Em 2018 alternou entre o time titular e o banco de reservas. Briga com Firmino pela vaga de centroavante na Copa – é, até aqui, a opção de Tite.

Ligação de Guardiola e estrela: Gabriel Jesus é uma das caras do Manchester City (Foto: Reuters)

Ligação de Guardiola e estrela: Gabriel Jesus é uma das caras do Manchester City (Foto: Reuters)

NEYMAR

Neymar era parceiro de Messi no Barcelona em 2014 (Foto: EFE)

Neymar era parceiro de Messi no Barcelona em 2014 (Foto: EFE)

2014 – BARCELONA

Parceiro de Messi e ídolo do Barcelona. Neymar já vivia uma carreira de estrela, mas era apenas o início da caminhada na Europa. Aos 22 anos, era o grande nome do futebol brasileiro e esperança para a Copa do Mundo de 2014.

2018 – PSG

Os números e atuações só elevaram o status de Neymar. Trocou o Barcelona pelo Paris Saint-Germain, virando a grande referência da equipe. Sofreu com uma lesão no quinto metatarso do pé direito – a pior da carreira. Chega para a Copa da Rússia readquirindo ritmo de jogo após três meses parado.

Neymar comemoração PSG (Foto: Pascal Rossignol/Reuters)

Neymar comemoração PSG (Foto: Pascal Rossignol/Reuters)

ROBERTO FIRMINO

Roberto Firmino era desconhecido do torcedor brasileiro: defendia o Hoffenheim em 2014 (Foto: Agência AFP )

Roberto Firmino era desconhecido do torcedor brasileiro: defendia o Hoffenheim em 2014 (Foto: Agência AFP )

2014 – HOFFENHEIM

Se, atualmente, Roberto Firmino é um nome conhecido pela torcida canarinho, o mesmo não pode ser dito em relação ao ano da última Copa do Mundo. Em 2014, quando a competição foi sediada no Brasil, o atacante defendia o Hoffenheim, seu primeiro clube no exterior, após se transferir do Figueirense.

2018 – LIVERPOOL

Finalista da Liga dos Campeões – o Liverpool ficou com o vice-campeonato ao perder para o Real Madrid -, Roberto Firmino viveu a sua melhor fase na carreira este ano. O alagoano, famoso pelo sorriso reluzente, carimbou sem sustos sua convocação através de sua pontaria certeira. Briga com Jesus por uma vaga no time titular.

Firmino faz parte de um ataque letal do Liverpool, com Salah e Mané (Foto: Reuters)

Firmino faz parte de um ataque letal do Liverpool, com Salah e Mané (Foto: Reuters)

TAISON

Taison já era um dos brasileiros no Shakhtar em 2014 (Foto: Getty Images)

Taison já era um dos brasileiros no Shakhtar em 2014 (Foto: Getty Images)

2014 – SHAKHTAR DONETSK

Revelado pelo Internacional, Taison desembarcou no Shakhtar Donetsk, equipe conhecida por contratar vários brasileiros ao longo dos últimos anos, em 2013, após passagem de três anos pelo Metalist.

2018 – SHAKHTAR DONETSK

Nome mais controverso na convocação da seleção brasileira, o atacante se firmou no Shakhtar, onde está há cinco anos. Ele coleciona títulos e, na temporada 2017-2018, conquistou o campeonato nacional, a Copa da Ucrânia e a Supercopa.

- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas