segunda-feira, maio 16, 2022
BNR-728X90-RENOVACAO---SOCIAL
BNR-728X90-RENOVACAO---ILUMINACAO
BNR-728X90-RENOVACAO---PAVIMENTACAO
HomeBrasileirão - Serie ANo duelo de goleiros 'lendários', Sport e Cruzeiro ficam no empate na...

No duelo de goleiros ‘lendários’, Sport e Cruzeiro ficam no empate na Ilha

No duelo entre os lendários goleiros Fábio e Magrão, Sport e Cruzeiro ficaram no empate por 1 a 1. A partida, válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, foi disputada na Ilha do Retiro, em Recife, neste domingo (21/05).

O resultado fez o clube rubro-negro somar seu primeiro ponto na competição e subir para a 17ª posição. O time de Ney Franco havia sido goleado pela Ponte Preta fora de casa na estreia do Nacional.

  • Duelo de ‘lendas’

Aos 40 anos, Magrão já entrou em campo pela equipe rubro-negra por 661 vezes. Desde 2005 na Ilha do Retiro, ele faturou a Copa do Brasil (2008), Copa do Nordeste (2014) e seis títulos do Campeonato Pernambucano (2006, 2007, 2008, 2009, 2010 e 2014)

O ídolo do Sport chegou a virar reserva de Danilo Fernandes, mas com a saída do colega para o Internacional ele retomou seu posto. Desde então, o goleiro apresentou grandes atuações, incluindo na partida deste domingo.

Um pouco mais novo, 36 anos, Fábio tem 708 jogos oficiais com a camisa celeste. Em mais de 12 anos na Toca da Raposa, ele venceu dois títulos brasileiros (2013 e 2014) e cinco campeonatos mineiros (2006, 2008, 2009, 2011 e 2014).

Após se contundir na temporada passada e ver seu substituto Rafael brilhar, o arqueiro briga para retomar sua posição.

  • O jogo

Por jogar em casa, o Sport começou tomando as ações do jogo. A equipe buscava o resultado e dominava o meio campo. A criatividade, no entanto, era um problema para o time rubro-negro no começo do jogo.

As duas primeiras oportunidades foram do Sport. Em ambas, Fábio fez defesas de puro reflexo.

Em uma saída em velocidade, o Cruzeiro conseguiu abrir o placar. Arrascaeta mandou para Romero, que deixou para Alisson. Com toque de primeira, o camisa 11 colocou no canto direito de Magrão, aos 19 minutos do primeiro tempo.

O Sport, no entanto, seguiu tendo mais posse de bola em campo, apesar de não conseguir converter isso em chances reais.

Aos 31, entretanto, o Sport conseguiu. Hudson perdeu a bola no meio campo e Fábio precisou sair, mas derrubou Diego Souza dentro da área. O árbitro marcou o pênalti e o próprio camisa 87 foi para a cobrança, empatando a contagem e levando esse resultado para o intervalo.

Na etapa complementar, o Cruzeiro voltou segurando mais a bola e mantendo a redonda do ataque. Parte disso por causa da entrada do volante Ariel Cabral no time.

Aos 11 a equipe mineira teve uma grande chance de desempatar. Hudson chutou de fora da área e Magrão fez bela defesa. Ney Franco mandou a campo no segundo tempo um time mais pra frente, querendo o resultado dentro de casa. O Sport, no entanto, não era organizado o suficiente no meio para conseguir algo maior.

A grande rotina de jogos, porém, atrapalhou o Sport. A equipe de Ney Franco estava visivelmente cansada e pouco conseguia agredir.

  • Agenda

O Sport voltará a campo pela final da Copa do Nordeste contra o Bahia, na Arena Fonte Nova, em Salvador, na quarta-feira (24/05), às 21h45 (de Brasília). O jogo de ida, realizado na casa rubro-negra, terminou empatado por 1 a 1. No Campeonato Brasileiro, o time de Ney Franco receberá o Grêmio na Ilha do Retiro, no próximo domingo, às 19h.

O Cruzeiro enfrentará pela terceira rodada do Nacional o Santos na Vila Belmiro, domingo, às 16h.

  • Ficha Técnica

SPORT 1 X 1 CRUZEIRO

Local: Ilha do Retiro, Recife (PE)
Data: 21 de maio de 2017, domingo
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: João Batista de Arruma (RJ)
Assistentes: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Eduardo de Souza Couto (RJ)
Cartões: Raul Prata, Diego Souza, Fabrício (Sport); Léo, Ariel Cabral (Cruzeiro)
GOLS: Alisson, aos 19 minutos do primeiro tempo (Cruzeiro); Diego Souza, aos 31 minutos do primeiro tempo (Sport)

SPORT: Magrão; Samuel Xavier (Evandro), Matheus Ferraz, Durval e Raul Prata; Ronaldo (Fabrício), Rithely, Neto Moura (Juninho) e Rogério; Diego Souza e Osvaldo. Técnico: Ney Franco

CRUZEIRO: Fábio; Lucas Romero (Ariel Cabral), Léo, Dedé, Diogo Barbosa, Hudson, Henrique, Arrascaeta, Alisson, Rafinha (Rafael Marques) e Ramon Ábila (Alex). Técnico:Mano Menezes

- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas