quinta-feira, junho 30, 2022
BNR-728X90-RENOVACAO---SOCIAL
BNR-728X90-RENOVACAO---ILUMINACAO
BNR-728X90-RENOVACAO---PAVIMENTACAO
HomeDESTAQUESPaulo Carneiro é destituído da presidência do Vitória

Paulo Carneiro é destituído da presidência do Vitória

Eleito e destituído pelos sócios. Após um comemorado retorno com vitória esmagadora nas urnas rubro-negras em eleição que aconteceu em 2019, Paulo Carneiro se tornou vítima dos mesmos votos que o elegeram. Na manhã desde sábado (21), o presidente do Vitória foi destituído em Assembleia Geral Extraordinária (AGE) que aconteceu no Barradão.

Paulo Carneiro, o PC, estava afastado da presidência desde setembro de 2021 após o Conselho Deliberativo do Vitória aprovar parecer da Comissão de Ética que apontou indícios de gestão temerária.

A Comissão apontou, entre outras irregularidades, a ausência de um contrato entre o clube e a empresa Magnum, que recebeu R$ 3.586.068,00 do Vitória; e o adiantamento de remunerações feito por Paulo Carneiro durante a pandemia, iniciada em março de 2020.

A expulsão de um presidente após votação dos associados é feito inédito na história do clube, que vive o momento mais turbulento de seus 123 anos recém-completados. Desde o final do mandato de Alexi Portela Júnior, em 2013, nenhum presidente eleito do Vitória conseguiu terminar seu mandato. 

Raimundo Viana, entre 2015 e 2016 foi o único a conseguir o feito – mas era um mandato tampão cumprido após renúncia de Carlos Falcão, eleito em 2013, e quem justamente abriu essa série maldita na história do clube.

Cerca de 150 associados estiveram no Barradão para votar pela saída de Paulo Carneiro. O natural seria que o vice-presidente Luiz Henrique Viana assumisse o clube, mas ele já havia renunciado ao cargo e com isso o presidente do Conselho Deliberativo do Clube, Fábio Mota, que já estava à frente da diretoria, continua de forma oficial. Mota preside o Vitória desde outubro do ano passado.

A decisão torna Paulo Carneiro inelegível para qualquer cargo político no Vitória durante os próximos sete anos.

Com o afastamento definitivo de Paulo Carneiro, o Conselho Deliberativo se reúne na próxima quarta-feira (26), para eleger um novo presidente de forma indireta. Esse presidente cumpre um mandato tampão, referente ao tempo de gestão que seria de PC – ou seja, até dezembro.

Além disso, novas eleições diretas devem ser convocadas para definir a direção do clube no próximo triênio. Ou, pelo menos, os nomes que vão tentar quebrar a triste sina de mandatos inacabados no Leão.

- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas