segunda-feira, janeiro 17, 2022
BANNER_728x90px (3)
HomeSem categoriaTenista russo se desculpa por ter atirado moedas em cadeira de árbitra...

Tenista russo se desculpa por ter atirado moedas em cadeira de árbitra em Wimbledon

O russo Daniil Medvedev desculpou-se em entrevista coletiva pelo episódio insólito que protagonizou nesta quarta-feira no All England Tennis Club ao atirar moedas na cadeira da árbitra portuguesa Mariana Alves. O episódio ocorreu após ele ter sido eliminado na segunda rodada de Wimbledon pelo belga Ruben Bemelmans.

“Estava frustrado pela derrota. Não tem sentido o que eu fiz, peço desculpas. Simplesmente estava decepcionado e fiz algo absurdo”, afirmou o russo, que negou que sua intenção foi questionar a imparcialidade da juíza.

Algoz do suíço Stan Wawrinka, número 3 do mundo, na primeira rodada, o tenista de 21 anos perdeu para Bemelmans por 3 sets a 2, com parciais de 6-4, 6-2, 3-6, 2-6 e 6-3, em 2h50min de jogo.

Medvedev queixou-se e pediu que Mariana fosse retirada da partida durante a quinta parcial, depois de ter perdido cinco games seguidos, mas teve a solicitação rejeitada pela organização do torneio. Os contínuos protestos resultaram em punição imposta pela árbitra com a perda de um ponto.

Após a partida, enquanto recolhia seus pertences na quadra 16, o jovem atleta pegou a carteira e jogou moedas na cadeira da juíza. Ele garantiu não se lembrar do que disse a Mariana, mas ressaltou. “Algumas saídas de tom podem acontecer no esporte”, disse.

Não é a primeira vez que o Medvedev protagoniza um episódio polêmico em um torneio. No ano passado, durante o qualifying do Challenger de Savannah, nos Estados Unidos, ele foi desclassificado por fazer um comentário racista depois que o árbitro decidiu um ponto a favor de seu adversário, o americano Donald Young, que é negro.
- Advertisment -
WhatsApp Image 2021-08-18 at 5.26.23 PM
Screenshot_3
549874643216798-4
f54459f1-2954-40f7-b3a6-7858147561ae
IMAGEM

Mais lidas